É hora de procurar um dermatologista! Conheça sintomas a que você deve prestar atenção

Existem mais de três mil doenças que afetam a pele de crianças, adultos e idosos, de mulheres e de homens. E não é só a pele: as chamadas doenças dermatológicas atingem também pelos, cabelos, unhas e mucosas.
Dermatologistas são os profissionais dedicados ao diagnóstico, tratamento e prevenção dessas enfermidades. Além do tratamento e orientação de cuidados com a pele, a dermato – nome abreviado da especialidade – pode também solucionar problemas estéticos e trabalhar na manutenção da beleza da pele.

Quando procurar um dermatologista

Alguns sintomas indicam que é hora de procurar uma ou um especialista. Dada a extensão da pele e a quantidade de pelos e cabelos, é comum que os sinais acabem sendo negligenciados.

Manchas na pele 

O primeiro indício a que é preciso prestar atenção é o aparecimento de manchas no corpo. Elas surgem principalmente em partes que ficam mais expostas ao sol.
As manchas podem ser simples melasmas, mas em casos extremos podem indicar até câncer. Por isso, sempre que perceber alguma, entre em contato com sua médica ou seu médico.

Pintas ou sinais

Quem tem pintas ou sinais deve analisar se não estão mudando de cor. Alterações no formato também devem ser monitorados.
As pintas e os sinais, como as manchas na pele, podem ser indício de câncer de pele. Se você perceber alterações, agende uma consulta com um(a) dermatologista.

Outros sintomas

Alergias na pele, queda de cabelo, unhas fracas e espinhas também são sinal de que há algo errado no seu corpo e o momento é de procurar ajuda.

Principais doenças dermatológicas

Dentre os problemas de pele, pelo e cabelos, entre outros tratados por dermatologistas, três são mais conhecidos: acne, melasmas e câncer de pele. Cada um tem sua gravidade, especificidade e tratamento.

Acne

A acne é popularmente conhecida como espinha, mas também inclui os cravos. É um processo inflamatório das glândulas sebáceas e dos folículos pilossebáceos e que produz lesões na pele.
Os principais responsáveis pelo surgimento da acne são os hormônios sexuais, que começam a ser produzidos na puberdade. Esses hormônios – chamados de andrógenos e estrógenos – são produzidos tanto pelos ovários (mulher) e testículos (homem), quanto pelas glândulas suprarrenais (duas pequenas glândulas situadas sobre os rins).

Melasma

Melasmas são manchas escuras ou acastanhadas que surgem no rosto, em especial, e também nos braços, no pescoço e no colo. As manchas têm formatos irregulares e bem definidos, sendo geralmente simétricas (iguais nos dois lados). Embora mais mais comuns em mulheres, também podem atingir homens.
A melasma é desencadeada principalmente pela exposição do sol. Segundo especialistas, o raio ultravioleta é a principal causa da doença. Uso do anticoncepcional e gravidez, porém, também podem levar ao aparecimento das manchas.
A principal forma de prevenir a doença é usar protetor solar diariamente, inclusive em dias nublados e chuvosos. Pessoas que possuem melasma, além do protetor, devem também utilizar roupas, chapéus, bonés, óculos escuros, sombrinhas e guarda-sóis para se proteger dos raios ultravioleta.
Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), as terapias disponíveis são o uso de medicamentos tópicos e procedimentos para o clareamento. Entre os procedimentos mais realizados por profissionais estão peelings e aplicações de luzes ou lasers.

Câncer de pele

O câncer da pele corresponde a 33% de todos os diagnósticos de câncer no Brasil. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a cada ano, 180 mil novos casos de carcinoma na pele são diagnosticados.
O tipo mais comum é o não-melanoma, com baixa taxa de letalidade. De acordo com a SBD, a doença é provocada pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. Dos três tipos mais comuns, carcinomas basocelulares e espinocelulares são menos letais, enquanto o melanoma é o tipo mais agressivo de câncer da pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *