Chocolate ajuda mesmo a aliviar a TPM?

A vontade de comer chocolate é estereotipada como uma “unanimidade” entre as mulheres durante a chamada TPM (tensão pré-menstrual). Mas será que é isso mesmo, ou esse é apenas mais um mito?

Na verdade, essa “unanimidade” é como uma meia-verdade. Pesquisas indicam que cerca de 45% das mulheres relatam que têm vontade de comer chocolate no período pré-menstrual.

A explicação médica é que, nesse período do ciclo, há uma queda na produção de serotonina, hormônio que dá a sensação de bem estar. O cacau do chocolate contém triptofano, aminoácido que estimula a produção de serotonina.

Outro explicação, segundo alguns especialistas, é que os níveis de magnésio também apresentam redução durante a TPM. Como essa substância também está presente no chocolate, o doce ganharia “pontos positivos” para o consumo no período.

Mas não é qualquer chocolate

É preciso cuidado, porém, na escolha do escolha do chocolate. Dê preferência àqueles que têm maior porcentagem de cacau, de 70% para cima, ou seja, os que são mais amargos. Isso significa triptofano o bastante e, também, menos açúcar.

Além disso, como um estimulante, o chocolate pode acabar tendo o efeito oposto: agitar a mulher e gerar cólicas. A resposta, entre bem estar ou cólica, depende de cada organismo.

Quem quer evitar o chocolate pode apostar em outros alimentos. Banana e aveia ajudam a regular a progesterona, um dos hormônios que leva à TPM. Castanhas também impulsionam a produção de serotonina, como o cacau faz.

Frutas como abacaxi e melão funcionam como diuréticos, evitando a retenção de líquidos que causa dor nos seios. No mesmo sentido, é recomendado pegar leve com o sal nessa fase do ciclo menstrual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *