Consumo de álcool durante a gestação

A gravidez é um momento único no corpo da mulher! Ela proporciona sensações inesquecíveis, mas também uma série de restrições necessárias para o bom desenvolvimento do bebê e uma gestação saudável.

O consumo de álcool é uma destas restrições, que deve ser feita de maneira efetiva quando se está grávida. Não existem quantidades seguras para o consumo de álcool durante a gravidez, porque o feto é extremamente vulnerável e tem a barreira placentária frágil e desprotegida à chegada do álcool no organismo do bebê.

A restrição do consumo deve ser levada extremamente a sério, pois os efeitos da exposição pré-natal são irreversíveis, dependendo do tempo de exposição, idade gestacional e padrão de consumo.

O álcool é capaz de causar efeitos em qualquer idade gestacional, especialmente os neurocomportamentais. Por isso, se você precisa de auxílio com a restrição alcoólica, busque ajuda profissional antes mesmo de engravidar ou logo no início da gestação.

Esse conteúdo foi criado originalmente para a Dra Joana Barata, médica ginecologista e obstetra na Clínica Unitta, em São Joaquim/RS. Clique aqui e saiba mais.

As informações disponíveis neste site possuem apenas caráter educativo. Apenas uma avaliação com um profissional médico possibilitará o diagnóstico de doenças, a indicação de tratamentos e a prescrição de medicamentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.