Quando é indicado o uso de enxerto na rinoplastia?

A rinoplastia é uma técnica que traz diferentes benefícios, podendo melhorar a funcionalidade do nariz e também o aspecto visual do rosto. Um dos aliados dos cirurgiões que realizam esse procedimento é o enxerto, seja de cartilagem, pele ou de ossos.

No caso da cartilagem, ela pode ser retirada do próprio septo, da orelha e da região da costela do paciente, por exemplo. Já o enxerto ósseo pode ser retirado do próprio osso do septo, e recolocado em um espaço próximo dali, conforme a necessidade.

O uso de enxertos também permite que o resultado seja ainda mais duradouro, fazendo com que os efeitos do envelhecimento tenham menos interferência na região. Esse material também é usado nos casos em que pacientes sofreram alguma lesão, trauma ou acidente, e tenham ficado com o nariz disforme ou problemas na função nasal.

Entenda mais sobre a técnica clicando aqui.

Este conteúdo foi elaborado pela Dra. Ane Trento Búrigo, otorrinolaringologista de Criciúma (SC). Você pode acessar o conteúdo completo gratuitamente clicando no link acima.

As informações disponíveis neste site possuem apenas caráter educativo. Apenas uma avaliação com um profissional médico possibilitará o diagnóstico de doenças, a indicação de tratamentos e a prescrição de medicamentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.